Concurso de redação da ONU sobre multilinguismo e cidadania seleciona universitários

Concurso vai selecionar ensaios que debatam papel que a habilidade multilíngue pode desempenhar na promoção da cidadania global e do entendimento cultural. Vencedores participarão de Fórum Global de Juventude do Impacto Acadêmico da ONU, em julho, em Nova York, com tudo pago. Redação deve ser em um idioma oficial da ONU; prazo é dia 31 de março.

104272

Sessenta estudantes serão selecionados como delegados ao Fórum Global de Juventude do Impacto Acadêmico das Nações Unidas, que será realizado entre os dias 25 e 31 de julho de 2016. No evento, os participantes criarão planos de ação relacionados com a Agenda 2030 da ONU para o Desenvolvimento Sustentável. Os estudantes apresentarão estes planos de ação na Sede das Nações Unidas em Nova York.

O concurso – denominado “Muitas Línguas, Um Mundo” – fornece passagens aéreas, acomodação e refeições para as(os) selecionadas(os), cedidos pela empresa parceira da iniciativa, a ELS Educational Services, Inc.

Para participar, as(os) candidatas(os) devem fazer uma redação original de 2 mil palavras ou menos que discuta cidadania global e entendimento cultural, e o papel que a habilidade multilíngue pode desempenhar na promoção destes.

Continue reading

Advertisements

Nações Unidas selecionam estudantes e orientadores de simulados da ONU para workshop em Nova York

O prazo para se registrar é dia 15 de setembro. Encontro será de 6 a 9 de novembro e é coorganizado pelo Departamento de Informação Pública (DPI) da ONU.

06-27-multilingualism

O Departamento de Informação Pública (DPI) da ONU está organizando um workshop sobre simulações das Nações Unidas (UN Model, ou MUN) em Nova York, com duração de 3 dias, entre os dias 6 a 9 novembro de 2015.

O workshop está sendo organizado pela ONU em conjunto com a Federação Mundial das Associações de Modelos Internacionais das Nações Unidas (WIMUN), cujo encontro de 2015 ocorrerá em Nova York entre os dias 10 e 14 de novembro. Os estudantes que quiserem participar da oficina e, em seguida, como delegado(a) da WIMUN são bem-vindos(as) a fazê-lo, mas devem se registrar separadamente para cada um dos eventos.

Este workshop é projetado para estudantes e apoiadores de MUNs que organizam simulações ou tenham participado de uma conferência MUN nos níveis universitário ou secundário. Qualquer estudante que tenha tido um papel de liderança na organização de uma conferência ou tenha participado como delegado é elegível para se candidatar.

Os candidatos são obrigados a ter participado em pelo menos um modelo de simulação da ONU antes do workshop e devem ser capazes de se comunicar em inglês. Orientadores que têm um papel na formação ou supervisão de estudantes que organizam ou participam de conferências MUN também são elegíveis.

As inscrições já estão abertas. Não há taxa de inscrição para estudantes ou orientadores que são elegíveis para participar do Workshop MUN 2015 em Nova York. No entanto, uma vez aceito, os participantes serão responsáveis por todas as despesas de viagem e de subsistência durante o workshop. Para comunicar sua candidatura, basta clicar em “Registration” na barra de navegação do site do evento e acessar instruções sobre como preencher o formulário de inscrição online.

O prazo para se registrar é dia 15 de setembro de 2015. Todos os detalhes estão disponíveis em http://outreach.un.org/mun

Fonte

Vergonha

Mulheres-de-deputados-em-cha-com-Eduardo-Cunha-size-598

Galera do Mato Grosso do Sul: quem aqui votou em Poliana Brasileiro na última eleição? Mineiros: quem aqui deu seu voto para Poliana Brasileiro? Gente amada de Roraima: quem votou em Iza Rodrigues?

Ninguém? Pois bem, aparentemente, foram essas senhoras da foto as responsáveis por convencer o presidente da Câmara Eduardo Cunha que as passagens áreas das esposas dos parlamentares deveriam ser cobertas pela verba de gabinete (vocês viram a notícia hoje, né?), a ajuda de custos que vem do seu, do meu, do nosso bolso.

Mas… nós não estamos no século XXI? As mulheres já não conquistaram a sua emancipação a duras e vagarosas custas? Nós não temos uma mulher (nossa ídola aqui na página, rs) comandando a maior economia da Europa? Cristina, Bachelet e nossa presidentx aqui na América do Sul? Lagarde à frente do FMI?

Mas… (você pode também pode se perguntar) elas não foram eleitas, que função política elas teriam pra justificar uma bandalheira dessas?

Vejam algumas respostas abaixo.

Luciane Marun (esposa de Carlos Marun – PMDB/MS):  “Atuamos por tabela.”
Iza Rodrigues (esposa de Remídio da Amatur – PR/RO): “Eu moro longe. Não é fácil ser mulher de político. A gente tem de acabar abdicando da nossa vida e acompanhando o marido.”
Poliana Brasileiro (esposa de Leonardo Quintão PMDB/MG): “Quando a gente casa, é o pacote. Nós queremos mostrar a nossa unidade.”

Dormirei essa noite com vergonha de ser brasileira.

AEN

Saiba mais: Esposas de deputados exigem de Eduardo Cunha cota de passagens.

Concurso de redação da ONU sobre agenda pós-2015

Estudantes universitários podem expressar suas opiniões sobre a nova agenda de desenvolvimento pós-2015 e como estas metas são enriquecidas pela diversidade cultural e linguística. O concurso de redação “Muitas Línguas, um mundo” é organizado pela iniciativa Impacto Acadêmico (UNAI) do Departamento de Informação Pública (DPI) das Nações Unidas, em colaboração com o ELS Serviços Educacionais. O prazo de inscrição termina em 25 de março.

Em reconhecimento aos 70o aniversário de constituição das Nações Unidas, a segunda edição do concurso recebeu este ano o título “Setenta para Setenta”. Por isso, extraordinariamente para esta convocatória serão escolhidos 70 estudantes, dez a mais do que no primeiro concurso, para participar de uma semana de atividades na sede da ONU em Nova York, entre os dias 20 e 26 de julho de 2015. As reflexões devem ter no máximo 2 mil palavras, usar um idioma oficial da ONU que não seja o da língua materna do estudante, nem o idioma oficial de estudo primário ou secundário. Serão escolhidos 10 estudantes em cada idioma oficial da ONU – árabe, chinês, inglês, francês, espanhol e russo – e outros 10 entre todos esses seis idiomas.

Em 2014, a brasileira Yasmin Mohammed se destacou entre 4 mil participantes e foi uma das 10 vencedoras na categoria árabe.

Os interessados podem conhecer melhor o debate Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, que serão adotados no final de 2015, na página sustainabledevelopment.un.org.

Saiba como participar aqui.

Concurso UFRJ

No último dia 21 a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) tornou público o edital do concurso destinado ao provimento de vagas em cargos efetivos do seu quadro único de pessoal. Das 133 vagas oferecidas, uma vaga para cargo de classe “E” (técnologo) é oferecida para a função de Analista de Relações Internacionais.

Exigências: Curso superior.
Inscrições: As inscrições poderão ser realizadas por meio do site da UFRJ entre 04 e 23 de novembro. O valor da inscrição é de R$ 100,00.
Número de vagas: 1.
Lotação: Rio de Janeiro/RJ.
Jornada de trabalho: 40 horas/semana.
Salário (vencimento básico): R$ 3.392,42 (a remuneração será composta do vencimento básico, acrescido do incentivo à qualificação e das demais vantagens pecuniárias/auxílios estabelecidas em lei)

Conteúdo programático (anexo IV do edital):
Direito dos Tratados. Direitos Humanos e Relações Internacionais.Relações diplomáticas e consulares. Sujeitos de Direito Internacional Público. Refugiados. Condição Jurídica do
refugiado no Brasil. A integração Sul-Sul e a Educação Superior. Associação de Universidades Grupo Montevidéu (AUGM), Programa de Estudantes-Convênio de Graduação e Programa de Estudantes-Convênio de Pós-Graduação (PEC-G e PEC-PG). Órgãos de promoção da internacionalização das Instituições de Ensino Superior, tais como Organização Universitária Interamericana (OUI), União de Universidades da América Latina e do Caribe (UDUAL), Associação Brasileira de Educação Internacional (FAUBAI), Associação de Universidades de Língua Portuguesa (AULP) e Agência Universitária da Francofonia (AUF).Agências de intercâmbio  e cooperação internacional, tais como Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD), Organização Holandesa para a Cooperação Internacional no Ensino Superior (NUFFIC), EducationUSA e Campus France. A Internacionalização da Educação Superior e a Educação Transnacional.União Europeia. Acordos de Bolonha. Programas de financiamento.Mobilidade internacional. Lei do Estágio.Direitos e deveres dos estrangeiros no Brasil: entrada, permanência e saída.  Conselho Nacional de Imigração. Inglês: Falsos cognatos; phrasal verbs; voz passiva e voz ativa; pontuação; verbos; advérbios; adjetivos; substantivos; pronomes; preposições; comparativo e superlativo; formação de palavras; coesão e coerência; concordância; discurso direto e discurso indireto; genitivo; expressões  idiomáticas; vocabulário; condicional; interpretação de texto; resumo crítico de texto.

ONU oferece bolsa na área de direito internacional

intllaw

O Programa de bolsas de aperfeiçoamento em Direito Internacional das Nações Unidas (International Law Fellowship Programme) recebe candidaturas até 1 de dezembro para o curso que ocorrerá em Haia de 22 de junho a 31 de julho de 2015. Os candidatos devem ter formação em Direito, experiência profissional em Direito Internacional e idade entre 24 e 45 anos. O curso será ministrado em inglês. Saiba mais em: www.un.org/law/ilfp

 

 

Social Good Brasil 2014 está com inscrições abertas

AF_Timeline_700x700x_voce

Considerado o maior evento sobre uso da tecnologia para a inovação social, o Seminário Social Good Brasil 2014 está com inscrições abertas e tem como tema “Protagonismo + Inovação Social: A nova ferramenta de mudança é você”.

O seminário é a agenda no Brasil do Social Good Summit, evento internacional que acontece anualmente na semana das Nações Unidas em Nova York.

Inscreva-se em: http://sgb.org.br/seminario